11 março 2013

Adeus e até breve





Quando no dia 1 de Abril de 1998 tomei posse do meu posto de Gestor de Produto na Interlog SA, a Apple em Portugal era uma espécie de aldeia gaulesa, (com a desvantagem dos romanos de então serem grandes e desferirem socos potentes...). Éramos poucos, tínhamos nas linhas de produto equipamentos difíceis e complicados de vender e fazíamos todos parte de uma estrutura pesada com dificuldades óbvias de funcionamento.

A primeiríssima reunião que tive na empresa trouxe-me vários ensinamentos preciosos, um deles inesquecível. O então Director Geral disse-me em surdina, perante dúvidas sérias por mim levantadas a respeito da tarefa gigantesca que encontrei pela frente: "Se resistires seis meses, resistes seis anos". Foi nesta frase que pensei quando há dias assinei o meu pedido de demissão.

Foi um pouco mais, é um facto. Uma viagem maravilhosa que me ensinou tanto, mas tanto que se torna agora complicado enumerar as vezes em que rodeado dos melhores e mais fantásticos clientes do mundo me cheguei a arrepiar ao apresentar um produto ou a explicar a melhor forma de aliar as respectivas qualidades às capacidades criativas de quem os utilizava de forma tão sábia.

Aprendi muito convosco. Espero, e tenho a certeza disso, ter-vos também ensinado algo, no meio das múltiplas actividades em que nos envolvemos. Fosse uma simples sessão de imprensa ou uma formação mais técnica e mais densa. Diverti-me muito em cada uma delas e a minha agenda telefónica é testemunha das muitas centenas de amigos que fiz durante este trajecto.

Deixei, (e perdoem-me a imodéstia), uma marca profunda na comunidade portuguesa de utilizadores da marca. É quanto me basta. Parto dentro de pouco tempo para outra aventura, porventura com melhores mapas, porventura com objectivos mais definidos e capitães eventualmente mais esclarecidos.

Com a certeza de ir abraçar outro grande produto. Sem olhar para trás. E ao mesmo tempo sem vos esquecer.

Um abraço e até breve

Pedro Aniceto

32 comentários:

Ed_ disse...

obrigado por tudo!

mark bierast disse...

Obrigado por tanto ensinar aos também usuários deste lado do Atlântico Pedro, desejo-lhe boa sorte na nova empreitada.. seria no Android? rss

pe disse...

um grande abraço Pedro, obrigado!
e venha ela, a próxima empreitada.

Patricia Lousinha disse...

Secundando alguém: "You know..."
Obrigada!

TaKuara disse...

Fui um seguidor assíduo da praia das Maças, e mesmo depois de ter perdido o i-phone e ter optado por um Android (as pessoas evoluem ;) ) continuei a seguir o podcast para continuar a estar a par das novidades Apple, por serem explicadas com enorme clareza por alguém que transpirava competência em cada palavra que dizia.

Abraço

Helena Moniz disse...

Obrigada pela ajuda e pelo porto seguro que construiu para todos os utilizadores do produto. Vamos sentir a sua falta! Ou melhor, espero que não, que continue à nossa volta!

oculos disse...

Poucas empresas podem se orgulhar de ter um profissional tão comprometido e dedicado à causa do produto, além de ser (ou provavelmente justamente por sê-lo) um ser humano em tempo integral.
Boa ventura no novo desafio!

Miguel Carmo Carmo disse...

Obrigado Pedro! Boa sorte.

Abraço

MC

PurPleX Fotos disse...

Um grande abraço Pedro! Estou grato por tudo o que aprendi contigo! BOA SORTE e Obrigado

brunex disse...

Obrigado por tudo...
E boa sorte na próxima etapa da vida.

lichinho disse...

Caro Pedro Aniceto, a quem a comunidade de utilizadores Mac, primeiramente (e depois, iPhone, etc.) tanto deve, obrigado por todos estes anos.

Qualquer que seja o próximo projecto, só posso desejar os maiores sucessos.

César Rodrigues disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
pedromanuelcaldas disse...

Caro Pedro Aniceto, obrigado por todos estes anos de apoio, troca de informações e provas contínuas de vitalidade da comunidade, mesmo quando nada fazia prever o seu crescimento exponencial.
Boa sorte no seu projecto e mantenha-nos informados dos novos mares a navegar... Abç, pmc

migas (miguel araújo) disse...

Se partes sem dor é porque todo o tempo que ficou para trás trouxe mais alegrias que tristezas, mais valor que preocupações, foi mais enriquecedor do que desperdício.
Assim, sendo tudo valeu a apena.
"Partes" feliz, garantidamente.
E com todad a certeza pronto para novos e bons desafios.
Ou não fosses tu o Pedro Aniceto. eheheh
Abraço e Felicidades, Miguel Araújo

Paulo Neves disse...

Ainda me lembro do Correio dos Outros, a forma como "conheci" o Pedro. Na altura tinha mudado de lado, do Win para Mac e não voltei atrás. Obrigado por tudo Pedro, e sobretudo muitas felicidades nesta nova etapa da tua vida.
Um abraço!

kincas disse...

És grande.

Até breve e obrigado por tudo.

mw disse...

Obrigado Pedro! E com certeza, até breve! :-)

Patricia Lousinha disse...

Disse-me um passarinho que um investidor russo ia abrir em Portugal uma cadeia de apr's. Nasdrovie! Sr. Anicetovich?

A.Carrilho disse...

Quando comprei o segundo Mac, o primeiro portátil, já com a primeira versão do sistema X, o puto que me atendeu disse-me: isto é ainda mais simples: tudo o que quiseres fazer, tem paciência, pesquisa, esquece tudo o que sabes, e está lá tudo. Se tiveres dificuldades, pesquisa na net que há um grupo de utlizadores... Pesquisa por correio dos outros... E descobri o Pedro Aniceto. Alguns anos mais tarde, numa visita a Évora do Pedro, para um workshop do Keynote (basicamente, porque não houve tempo para mais...) descobri, basicamente, o que era comunicar. Comunicar apaixonadamente, sobre coisas de que se gosta e sabe. Não mudou a minha vida.... Mas em certas coisas redefiniu-a.
Este testemunho é apenas um pequeno tributo a ti.
Posto isto, onde é que te podemos "encontrar"?
De qualquer modo, felicidades para o que aí deve vir.

Luís Rolo disse...

Conheci-o no tempos da velha mailing list e segui-o por muitos anos.
Mesmo depois de abandonar a marca por si representada, continuei a segui-lo.
Por isso, enquanto alguns têm pena da sua decisão, eu alegro-me.
Alegro-me, por pensar que vou poder voltar a encontra-lo a "defender" um produto de que eu seja fã.

ALEX disse...

grande abraço Pedro!
Estou grato por tudo o que aprendi contigo!
que bons ventos te acompanhem nesta nova etapa.
Obrigado.

Nêspera disse...

Ohhhhhhhh!
boa sorte e muito obrigada!

Victor Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Victor Silva disse...

sem comentários...
...se o fizesse, teria que ficar aqui o resto da vida a escrever sobre o "Steve Jobs" português, e corria o risco de ter que escrever um livro maior do que os Lusíadas.
Caro amigo, o que vem por aì para ti, é melhor concerteza.
Não tenho a menor duvida que estarás à altura.
Não te vais livrar dos teus milhares de fãs, assim tão facilmente.
Abraço e como sabes tens cá uma casa às ordens, para o caso de não teres onde dormir.
LOL!
O caminho é em frente (eu sou uma autoridade nisso, como sabes!)
Falaremos em breve!

Teu amigo,
Victor Silva
vsilva@linkBIM.com

oficina grotesca disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Ferreira disse...

Já tinha Mac quando fui apresentada à Mailing List. E sempre contei com o teu apoio, desde o computador que "empatava" (a minha designação para freeze) até à última vez (batendo na madeira) que o disco rígido foi à vida. Muito obrigada por tudo, sei que sempre que precisar, mesmo sem trabalhares para a marca posso contar contigo.

Lourenco Medeiros disse...

De vez em quando um tipo tem que deixar o jornalismo e assumir a pessoa... Nunca, na minha vida conheci melhor embaixador de uma marca, nunca.
Precisamente porque tu, Pedro, não és um vendedor. Não és um fanático, és uma fantástica pessoa que sabe que tem uma pessoa à frente e não apenas um cliente ou um jornalista e coloca isso à frente do negócio. Isto só por si seria suficiente para conquistar muitos. Arescente-se que acreditas, e quando acreditas vais muito para "além do dever". Quer no negócio quer nas muitas causas que te vi abraçar sem daí retirar nada a não ser talvez a satisfação pessoal de fazer bem. As provas estão à vista, nos meios certos o teu nome é mais conhecido e reconhecido do que o de certas marcas que defendeste com unhas e dentes, não tenhas a mínima dúvida.
Sei que em relação à Apple perco um apoio fundamental. Por várias vezes consegui fazer peças sobre a marca "apesar" das políticas da marca. O Steve merecia ter-te conhecido e percebido o teu trabalho.
Só não lamento a tua decisão porque não tenho a mínima dúvida de que a relação que soubeste criar se vai manter muito para além de qualquer marca e fiz questão de escrever isto sem saber para onde vais.
Espero que além de conhecido sejas agora muito mais reconhecido onde estiveres.

God Speed meu caro.

Grande abraço

Lourenço Medeiros

Pedro Aniceto disse...

Um forte abraço pelas inúmeras manifestações de carinho que tenho recebido ao longo destes dias. Deixam-me sem palavras.

www.jomaq.com disse...

Conheci o Pedro á cerca de 10 anos, quando na altura andava ás voltas com as "janelas", e dessa altura recordo uma frase que transmitiu a um irmão meu que a meu pedido, foi a uma apresentação de algum produto Apple na Fnac do norte shopping, na altura o meu irmão questionou se o sistema mac era muito complicado de trabalhar, a Resposta foi simples e directa:"-Até uma criança trabalha com ele", depois disso passaram por minha casa um Ibook, 2 macbook pro, um powermac, 4 ou 5 iphones, 2 ipads...... resumindo, se não fosse o Pedro Aniceto a esta hora estava cheio de cabelos brancos.... Um Abraço da terra do galo

Billy disse...

Grandes mudanças!

Desejo que o novo desafio seja muito bom para ti. Será que ainda dá para combinar um almoço?

Um grande abraço!

Pedro Aniceto disse...

Oh Billy! Eu espero continuar a almoçar todos os dias! :)

Rúben disse...

Teremos sempre o direito, e o dever, até, de procurar quem nos quer bem... no teu caso, com a noção do dever mais do que cumprido, e com o olhar num ponto que agora sorrirá certamente mais do que o limite das tuas expectativas. É isso que mereces.

Grande abraço, Sr. Embaixador!

Rúben Neves