30 novembro 2009

Viva a República!

Em 14 de Abril de 2008, escrevi isto. Agora mesmo acabei de ler que o site da Comissão de Comemoração dos 100 anos da República custou 99.500 Euros (sim, leu bem, noventa e nove mil e quinhentos euros). Parece-lhe muito? Pois parece. Mas ainda parecerá mais se lhe disser que a tecnologia de construção do referido site é GRATUITA e que o template usado é completamente grátis. Trata-se de tecnologia "open source", cujo conteúdo está à disposição do utilizador para dele fazer uso. De qualquer pessoa. Num país decente esta compra custaria a cabeça de alguém. Comparado com esta aquisição, os cartões de visita, envelopes e papel de carta que a Comissão comprou a Henrique Cayatte foram baratíssimos (90.000 Euros). Que o meu designer (Fernando Mateus) não leia isto...

16 comentários:

kincas disse...

Às tantas foi o Teologo "do" Cavaco.

Abilio disse...

Eu a mim parece-me que esse dinheiro serviu só para o layout do site e não para a sua construção.

"C.G." disse...

O Cayatte vai dar amanhã mais uma conferência na UA. Pena não poder assistir, porque gostava de ouvir a sua história sobre este assunto, tendo em conta a pessoa que ele é. (alias, como já tinha dito na mailing list, ele foi meu professor)

Ricardo Antunes disse...

está muito mais completo e interessante este:

http://www.centenariodarepublica.org/centenario/

...e certamente mais em conta!

Ricardo disse...

Atenção, são "serviços de degign". Será, porventura, uma tecnologia mais recente...

JPCarvalhinho disse...

mmm o desenvolvimento deste site deve conter algumas prestações sexuais em outsourcing... só assim se explica...

Paulo Lousinha disse...

Foi isto! que custou 99500,00€???? Não sou de invejas, mas confesso que o Cayatte me suscita alguma...

Marco Barreto disse...

Investiguei um bocadinho: O site está alojado numa máquina com Linux (SO de borla), feito em Drupal (borla) com um tema Drupal gratuito. Ora, eu tenho alguma experiência nesta "cena" e posso garantir que:

Configurar server com webmin: 1h
Instalar Drupal: 5min
Configurar Drupal (users, etc): 1h
Instalar tema: 5min
Configurar tema (design): 2h30

Estou na profissão certa mas tenho o patrão errado!

Marco Barreto disse...

Só mais uma coisa. Quando os programadores utilizam plataformas de CMS gratuitas, seja Drupal, Joomla, Wordpress ou outra qualquer, por uma questão de ética e como agradecimento aos criadores das referidas plataformas pelo excelente trabalho, coloca-se um link simples no rodapé a dizer "Criado em XXXX". Não custa nada dar crédito a quem de direito, especialmente num caso em que nos deram a ganhar 99.500 euros...

mrmafia disse...

Qual a maneira de nos queixarmos ? De fazer justiça ? é suposto ficarmos impunes ? Gostaria de saber como faze-lo

Ricardo Antunes disse...

Caro/a mrmafia,

Eu prefiro (e espero) ficar impune, se não se importa... ;)

Nêspera disse...

Mas a história é ainda mais retorcida: aqui (http://www.base.gov.pt/_layouts/ccp/AjusteDirecto/Detail.aspx?idAjusteDirecto=75158&lk=srch) podem ver que o Henrique Frederico Cantiga Cayatte (e não o Atelier Henrique Cayatte) levou 90.000,00 euricos para fazer o estacionário. Só que, imagine-se, o logotipo já tinha sido desenvolvido por outra entidade (FBA, por 10 mil). Estes 90 mil são só pelo estacionário. É bonito.
No geral, a Comissão para as Comemorações do Centenário da República tem gasto bem o dinheirinho. Vide http://www.base.gov.pt/_layouts/ccp/ajustedirecto/search.aspx

AB disse...

Mas não digam mal de quem fez a coisa. Se eu pedir 100 000 por um mamarracho qualquer e mos derem, eu aceito. Pedir não faz mal. Tinha um vizinho que tinha um terreno ao lado da sua casa, e não queria vender para não ter vizinhos indesejáveis (bastava eu do outro lado) por isso pedia uma barbaridade impensável, uma coisa tipo seis vezes o valor, mesmo só para dizer que estava à venda. E vendeu-o.

Paulo disse...

800 euros por dia para fazer esse serviço não é mau preço;-) especialmente se demorar 3h 40m a parte técnica, como diz o Marco Barreto.
A parte criativa de usar um layout grátis já existente é que é mais trabalhosa e justifica perfeitamente o preço.

Irra, podem dizer que é inveja ou o que quiserem, mas para mim é simplesmente UMA POUCA VERGONHA, uma falta de respeito pelo contribuinte que paga este serviço os seus impostos.

Eu enquanto contribuinte acho isto inadmissível.

A pessoa que aprovou este contrato, lamento dizer isto, mas com a informação de que disponho (até admito que o Designer tenha prestado outros serviços valiosos que só assim possam ser pagos) ou é incompetente ou pior e tem de ser responsabilizada.

É O NOSSO DINHEIRO QUE ESTÀ ASSIM A SER ESBANJADO.

Enquanto o Zé Povo continuar a dizer que é uma vergonha mas não fizer nada vamos continuar na cepa torta.

Eu, enquanto contribuinte, quero saber qual a justificação para pagar uma quantia destas para esta prestação de serviço.

Alberta estás a ouvir? Ajuda aqui o Zé Povo!

Paulo disse...

Todos os que estiverem interessados em saber porque está o nosso dinheiro a ser gasto desta forma devem contactar a Comissão para o Centenário e DELICADA mas firmemente solicitar esclarecimentos para o seguinte e-mail:

comissao@centenariorepublica.pt

é o que eu estou a fazer.

rafa disse...

Tardei a ver este post, e fiquei um tanto ou quanto indignado.
E utilizando um serviço que prova que o open-source deveria ser utilizado na administração pública - http://transparencia-pt.org - cheguei a estes resultados

Revoltante, no mínimo.