12 fevereiro 2010

Oh fachavôr!

Alguém explica a estes senhores que a Mimosa é uma espécie invasora, cujo cultivo, criação ou a detenção em local confinado e/ou utilização como planta ornamental em Portugal está proibida por lei? Muito agradecido.

8 comentários:

Dark Angel disse...

Continuo surpreendido pela variedade do conhecimento aqui partilhado
Acho que é um daqueles casos em que de facto se aplica:
You Sir, are a gentleman and a scholar.

fernando.dionisio disse...

E qual é o decreto?
Espero não estar a pedir demais :)

Pedro Aniceto disse...

E clicar no link?

INcoma disse...

ou aqui
9100 DIÁRIO DA REPÚBLICA — I SÉRIE-A N.295 — 21-12-1999

Wilson disse...

e alguém sabe explicar o porqué? Na minha zona(perto de Leiria, há varias destas arvores que são bem bonitas por sinal... e não vejo nada de invasor nelas, co-habite com outras plantas, inclusive outras mais invasoras como as Silvas :P lol Se alguém me souber explicar qual o comportamento invasor desta arvore, agradecia! ;) (e não, não tenho nenhuma no meu jardim :P lol)

Pedro Aniceto disse...

As Mimosas são originarias da Austrália e foram introduzidas em Portugal tendo em vista a fixação de cordões dunares. Acontece que invadem espaço e propagam-se em áreas extensas dominando e eliminando a flora autóctone. Tem-se verificado que em áreas ardidas, é uma das primeiras espécies que domina a área. Tem uma velocidade de crescimento muito acima da média das espécies locais e por isso mesmo impõe-se com surpreendente velocidade. À semelhança dos jacintos de água, são já consideradas autênticas pragas.

Wilson disse...

nunca tal vi... lol =) alias aki na minha terra 15km a sul de pombal ja vi alguns exemplares dessas plantas... mas nada por ai alem, duas ou 3 juntas num canto(arvores ja grandes) e 2 ou 3 noutro sitio, inclusive ha 2 mesmo ao lado da fonte onde vamos buscar agua, que fica no meio de um pinhal que ardeu, junto a um ribeiro! e há ANOS que vamos la, e elas nunca se espalharam, o pinhal ja ardeu ha prai 2 ou 3 anos... :P mas é esperar para ver, tenho de ir investigar isso, da proxima vez que for la! ;) []

Loriguense disse...

Esta empresa não é portuguesa, é francesa, onde não há a proibição que existe em Portugal (possivelmente terão outras), e vende os seus productos a quem quiser ser cliente. Podiam optar por pôr uma nota específica para esta planta mas, por essa ordem de ideias, teriam que fazê-lo para outras plantas e para determinadas zonas/paises.