04 agosto 2011

Back in black

Estive no lançamento da America's Cup, uma fascinante viagem aos meandros da tecnologia de competição náutica. Durante o catering do evento tive oportunidade de encontrar, pela primeira vez, guardanapos de papel negro. A associação de ideias com o (famoso) papel higiénico da Renova não é uma coisa que queiramos ter enquanto deglutimos uns salgadinhos. É estranho.

5 comentários:

rr disse...

E não seriam esses gardanapos também Renova? Fica o meu grande respeito e admiração por essa grande entidade nacional que deixei em Maio último.

Pedro Aniceto disse...

Não sei. Trouxe um comigo mas não encontro marca em lado algum...

Ana Sousa disse...

Ontem vi desses guardanapos numa grande superficie comercial que começa com'C' e acaba em 'ente'. São da Renova penso eu.

Patricia Lousinha disse...

No triplex era A marca, dos guardanapos pretos…

Tiago disse...

Pedro, também pode encontrar guardanapos dessa cor (e de outras, igualmente fora do vulgar) naqueles sujeitos suecos... É verdade, a IKEA comercializa-os, e ao preço da chuva (pelo menos em comparação com o preço que a Renova pratica). Abraço!