20 julho 2012

Told ya

Jornal Sol, 20 de Julho de 2012

5 comentários:

scheeko™ disse...

Eu não sei qual era o contrato que tinham com a Apple, mas se a Interlog podia ser distribuidora exclusiva (presumivelmente por deliberação da Apple) não pode também agora a Apple decidir a quem é que eles podem vender?

Como disse, não sei qual era o contrato que tinham e qual a validade da mudança unilateral. Mais ainda, não sei se a lei da concorrência se aplica a distribuidores, mas confesso que não fiquei nada esclarecido. Bem, mas é para isso que servem os tribunais!

A.B. disse...

Yes you told. And what's your opinion?

Pedro Aniceto disse...

Nao é para aqui chamada... ;)

A.B. disse...

Começo a ficar preocupado é com quem vai dar assistência pós-venda. Depois da TB cairá a GSM. A Apple está a tomar o controlo total, desde a fábrica (e se calhar antes da fábrica) até ao retalho. Tudo bem, todas as margens serão deles, mas e o resto?
A Apple é grande, mas nem sempre foi, e viveu e sobreviveu da excelência dos poucos que a comercializavam. O negócio não é para sentimentais, mas tanta frieza também pode dar para o torto.

Pedro Aniceto disse...

A.B. A resposta, tal como a do Romeiro é, ninguém.