03 julho 2013

A piada é uma arma

Acho sempre divertido que uma boa piada se espalhe como fogo em gasolina. Foi o caso da graçola do Sporting de dia 1 que como era de esperar gerou o habitual coro de imbecilidade e vista curta, não falando sequer da puta da falta de sentido de humor que sempre é necessário possuir para nos rirmos muito do que nos é querido. Voltei a vê-la, a piada, modificada, travestida, ao longo dos últimos dois dias, por vezes muito distorcida, mas reconheci-a quase sempre como se reconhece um filho, nem sempre necessariamente pródigo. Ainda não li o artigo de Eduardo Barroso, mas acredito (e não queria) que se tivesse picado com ela. 

2 comentários:

Pifo disse...

Há pessoas que levam o futebol demasiado a sério. Sou do Sporting e não me ofendi minimamente com a piada. Que tinha piada.

António Gomes disse...

Tu não te ofendeste, mas o caro aniceto ofendeu-se com as piadas que recebeu em resposta ...

reafirmo O SPORTING está VIVO e recomenda-se...