18 março 2010

Mistérios

"Um dos maiores mistérios da minha juventude, nunca o resolvi!" disse-me a velhinha de negro. Inquiri-a com o olhar, curioso. "Namorávamos de janela e algumas apareciam grávidas, não sei como é que era..."

4 comentários:

bom amigo disse...

São sinais do tempo...

Luisa disse...

a madrinha do meu pai tinha a mesma dúvida :D

eduardo disse...

Wi-Fi avó, Wi-Fi...

Luis Miguel Silva disse...

lolol, muito bom ;o)